Sinal

Preciso de um sinal
Preciso de ter força
Quero acreditar
Mas não, não consigo
Minha alma clama
Clama por uma paz plena
Um sossego
Sabendo que me ames
Que me desejas
Preciso de paz
Quero-te amar
Mas não me deixas
Uma incerteza constante
Uma alegria sofrida
Preciso de ti
Preciso da tua força
Quero-te poder dizer
Amo-te
Sem ter de esconder
Os meus sentimentos
Liberta-los e deixa-los passar
É amar sem poder
Gostar de ti e não te disser
Com medo, um grande medo
De te perder
E com receio olhar-te nos olhos
E conseguir dizer
E a ti que te amo
Contigo quero “viver”

I.B.

26.09.2000


3 comentários:

Yashmeen disse...

"Minha alma clama
Clama por uma paz plena"
- belo jogo de sonoridade

Ri disse...

Estou a ver que me saíste um poeta! Não conhecia esse teu lado! Mas muita força da minha parte para continuares! Bjs

P.S. – acho que o visual que tinhas antes no blog se adapta mais a ti!

Bento disse...

pois... mas ja foram escritos a muito tempo... ajo que agora me falta algo... pra tal...