Crash

Nunca me tinha acontecido tal…
Na passada sexta feira quando me dirigia a minha terrinha, e confesso que não era o que ia mais devagar, pois queria chegar a tempo da festa, passou a abrir p
or mim um carro Fiat qualquer coisa, numa descida completamente esburacada, e que é que me passou instantaneamente pela mente foi "ainda te espetas” ou “devias te espetar” pensamentos estúpidos eu sei, mas pronto… e continuo eu a minha viagem, quando várias quilómetros a frente após uma ultrapassagem minha, mais ou menos segura, após uma curva dou com um Sr. Agente de mão esticada a mandar parar, e penso prós meus botões lá vem a senhora multa, mas não! era um brutal acidente, envolvendo um Fiat qualquer coisa, deu-me um baque, não sei se terei ficado branco ou as cores, mas fiquei ali durante segundos completamente aturdido com os pensamentos estúpidos que tecemos, até que o Sr. Agente me mandou avançar, e pude ver o carro! completamente para a sucata, escusado será dizer que fui um pouco mais devagar, que só após uns bons metros me apercebi que era melhor começar a avisar quem
circulava em direcção ao acidente,...... já se tinha dado a muito, não seria certamente o Fiat que passou mais acelerado por mim, mas mesmo assim não deixei que ficar incomodado pelas parvoíces que nós passam pela cabeça...

5 comentários:

anjoedemonio disse...

o pior é que inconscientemenet no sentimos "culpados"...

é uma sensação estranha!

:)))))

jocasipe disse...

é por vezes temos pensamentos estupidos. Faz parte da nossa genese.

Plum disse...

Como te entendo!
Abraços!!!***

Ri disse...

Há uma frase qualquer assim: Tem cuidado com o que desejas porque pode tornar-se realidade!
Mesmo sabendo que não querias que ele tivesse um acidente, pensaste isso quando ele passou por ti e de certeza que ficaste bastante tempo a desejares não ter pensado.

Gonçalo disse...

Situações dessas é sempre desagradável, o sentimento de "culpa" aparece nas nossas cabeças, sem a termos!

hug