A vida

A espera de desenvolvimento...

Não sei é por quanto tempo mais... mas por agora procuro somente paz de espírito que me roubaram... e serenidade suficiente para escrever algo de extraordinário... se é que algum dia, irei aqui escrever algo de muito interessante para os não comuns dos mortais… de maneira a deixá-los tão perplexos com tal qualidade de escrita como eu irei ficar certamente… para os restantes talvez não... mas que importa... isto e tão e somente um espaço de partilha de tristezas e alegrias... e logo que tenha algo de interessante ou de muito relevante ou sei lá... vou partilhar... hoje serão somente, palavras loucas e soltas, não lhe procuro dar nenhum sentido... não esperando a compreensão de ninguém... simplesmente escrever e escrever... nunca fui bom na escrita mas isso também não interessa agora… não me vou lamentar... lol...
Alias esta e a minha estreia aqui… estariam a espera do que? De pensamento profundos e filosóficos… nada disso e quem me conhecer sabe bem que não sou nada dado a essas coisas…. Por isso aqui fica um simples texto, louco como eu ou talvez não…

8 comentários:

Yashmeen disse...

Então sê bem vindo à blogosfera... Já estás nos favoritos do meu blog.

Beijinhos, tu sabes de quem.

Albatroz disse...

Caro Bento, para quem não é dado à filosofia, eu diria que andas-te a filosofar muito nestas palavras ;-)

O importante não é a escrita, mas a mensagem e o sentimento por trás dela, e como tal acho que esta tua estreia já me deixa perplexo com o que está por trás deste texto. A serenidade virá...quando quiseres que ela venha...Um grande abraço de alguem com quem partilhas-te um bocadinho da tua alma...

Luís disse...

Ola bentao, memo k digas k nao dizes nada acabas por dizer sempre algo, e ja sabes agora kero ler o k vais escrever aqui lol...,nao te peocupes com o k escreves apenas escreve, pensa simples e vais ver k vai sair mesmo akilo k tu keres, um abraço muito forte amigao.

Daniel Marques disse...

ola amigo, muito bem esta simples e muito interessante, apesar de dizeres que nao tens jeito acho que isso as vezes tambem nao e nessecario o ter basta te libertares e escreveres quando a tua alma o pedir, gostei muito de saber que agora posso ler mais palavras tuas que sao sempre tao agradaveis de ler e ouvir, gosto da paz que transmites-me :) continua sempre assim como tens sido ate hoje, deste que agora nao vai deixar de dar sempre uma vista de olhos por aqui um abraco deste amigo ....

Bento disse...

Muito obrigado pelos vossos comentários... não vou falar de nenhum em especial... pois adorei todos... aqui fica o meu forte Agradecimento ... para todos...

Ri disse...

Meu querido Zizi, quero felicitar-te por teres arranjado este cantinho para dizeres o que te vai na alma. Mas também sei que o que te vai na alma não é só drama, por isso espero por mais posts teus.
Beijinhos desta tua amiga e leitora!
Ri

skaiven disse...

desculpa la mas este poema e lindo tao lindo tao lindo k me fex sorrir assim k o li!!! es o melhor amigo k se pode ter!!! adoro te!!!!

Paulo Sempre disse...

Ou talvez não....